top of page

Igreja nas Casas


Pe. Matias Soares Pároco da Paróquia de Santo Afonso Maria de Ligório - Conj. Mirassol - Natal


A nossa paróquia de Santo Afonso Maria de Ligório está dando passos para desenvolver o projeto missionário IGREJA NAS CASAS. Existe a preocupação de fazer com que a experiência vivida pelas primeiras comunidades cristãs aconteça em nossa comunidade de fé, esperança e caridade. O desafio é enorme. Mesmo existindo numa realidade, tanto estrutural, quanto cultural, de estilo urbano, ainda temos desafios a serem enfrentados para que saíamos do perfil pastoral de conservação e prestador de serviços sacramentais, para uma dinâmica eminentemente missionária.


Já encaminhamos a setorização pessoal dos grupos, movimentos e pastorais. O próximo passo é organizar geograficamente os espaços da paróquia em seis setores territoriais. Para conversão missionária da paróquia acontecer, as estruturas físicas também precisam estar adaptadas as muitas demandas que começarão a surgir. Não só os fiéis da área geográfica serão atendidos, com o anúncio permanente da palavra de Deus nas famílias, mas também os que, por opção afetiva, vivem a sua fé em nossa comunidade, da mesma forma serão contemplados. A paróquia precisa ser “comunidade de comunidades”. Temos que superar a ‘estranheza’ de quem está conosco, e não reconhecemos o seu ‘rosto e nome’.


O outro passo muito importante é a formação de ministros da palavra. O fundamento da missão é a Sagrada Escritura. Queremos formar pelo menos trinta servidores permanentes da Palavra. Nos setores missionários, os fiéis leigos precisam ser os protagonistas da ação evangelizadora. O Espírito Santo impulsiona a todos. O senso da fé do povo de Deus deve ser considerado e incentivado. O clericalismo só trava o dinamismo do Espírito. Uma Igreja testemunha do Ressuscitado é ousada, dinâmica e corajosa. O estilo das comunidades cristãs primitivas precisa ser retomado na atual conjuntura secularista e pós-teísta. A Alegria do Evangelho é a via que cada cristão é chamado a experienciar e a testemunhar neste mundo novo.


Por isso, nos próximos meses estaremos desenvolvendo esse projeto missionário. Queremos ser “Igreja nas Casas”. O caminho é o das “Comunidades Eclesiais Missionárias”. Quem desejar fazer parte desse jeito de Ser Igreja, venha estar conosco. O Cristianismo das comodidades nunca teve sentido, já que o seguimento de Jesus é acompanhado de cruz, amor e vida plena. Isso é Páscoa. A conversão pastoral da paróquia exige de todos nós essa tomada de posição e paixão pela causa do Reino de Deus. Assim o seja!

Comments


bottom of page